Seguidores

quinta-feira, 23 de junho de 2011

O amor é tudo



Mas um dia sem ti, meu eterno amor!
Quantas vezes pensei em ti ligar
Quantas vezes me encontrei sem ar,
Sem luz, sem força – só com minha dor

Enchi-me de lágrimas tristemente
Sem resposta, carta, um gesto de adeus
Somente a lembrança dos beijos teus
Mas cuido deste amor, de corpo e mente

E minha vida caminha no dia
Se o céu é azul, por ele tu pisas
Se tu foges de mim, noite sem brisas

E mesmo assim, este amor é alegria
Sinto-te presente mesmo distante
Pois não me sinto só nenhum instante.

4 comentários:

✿ chica disse...

Lindíssimo.Flor! beijos,chhica

Fernando Santos (Chana) disse...

Muito belo...Espectacular....
Cumprimentos

Cristiano Marcell disse...

Belos sonetos, prezada Teresa! Parabéns!

Miguel de la T.P. disse...

Buenos dias pase a visitarte y fue todo un honor el quedarme en tu blog.
Tus letras hunden a fondo el sentimiento que expresan..

lujo de lujo es leerteee..!!
Desde Jaen un abrazo y feliz fin de semana